Ciranda da Leitura

Seleção FAAHF27JUSTIFICATIVA

Aprender a ler e escrever é, antes de mais nada, aprender a ler o mundo. A linguagem revela a experiência da vida, registra os sentidos simbólicos de que está impregnado o real. Por sua multiplicidade semântica, o texto literário tem o poder de revelar a realidade social e até desmascarar suas mentiras, de forma que “a ficção pode ser mais real que o que se quer real e o real pode ser mais ficcional que o que se quer ficcional” (BARTHES, Roland. O Prazer do texto. Lisboa. Edições 70, 1983.)

 

Em meio a diversidades tecnológicas, o Projeto se faz necessário para estimular a sensibilidade, imaginação e criatividade em nossas crianças e jovens. Numa sociedade tecnicista, ler, contar e ouvir histórias é a possibilidade mais libertária de aprendizagem.

PÚBLICO ALVO

O público que abrange este projeto é constituído de alunos do CEMAC, desde as séries iniciais  à terceira série do Ensino Médio.

OBJETIVO GERAL

Oferecer momentos lúdicos a partir da contação de histórias, seminários, chá literário, proporcionando o faz-de-conta como instrumento de expressão, imaginação e criatividade, ampliando os referenciais poético-literários e estimulando a leitura como experiência significativa para o conhecimento do mundo.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

  • Conhecer diversas histórias infantis, juvenis e clássicos da literatura;
  • Oportunizar a imaginação, humor e ilusionismo;
  • Desenvolver habilidades sociais;
  • Enriquecer e ampliar o vocabulário;
  • Despertar a curiosidade sobre novos assuntos;
  • Incentivar à leitura;
  • Desenvolver o hábito de ouvir com atenção;
  • Identificar o espaço físico, bem como os diferentes ambientes naturais presentes nas histórias e em nosso mundo;
  • Reconhecer a existência de outras culturas, comparando, questionando e respeitando suas particularidades e diferenças; 


METODOLOGIA

Considerando-se as diferentes idades das crianças e jovens envolvidos no projeto, a contação de histórias ou leituras serão diversificadas com contos de encantamento, histórias acumulativas, histórias de aventura, fábulas e clássicos da literatura. As técnicas a serem usados serão as mais variadas: encenações, teatro de bonecos, teatro de sombras, criação de livrões interativos, dedoches e fantoches no geral, contação proporcionada direto do livro, seminários e chá literário. Os alunos participarão de forma interativa, representando a história ouvida através de mímicas, desenhos, relato da história apresentando um novo desfecho, criação de história em quadrinhos, avaliações escritas e outros.    

CRONOGRAMA

O Projeto Ciranda da Leitura será realizado semanalmente através da contação de histórias para os alunos do 1º ano ao 5º ano e nas aulas de português de literatura do 6º ano à terceira série do ensino médio.

AVALIAÇÃO

Realizada continuamente com a contadora de histórias, supervisão, direção, professores e toda a comunidade escolar envolvida buscando sempre o aprimoramento das atividades oferecidas.